Em Manaus, ações de cidadania atendem mais de 200 pessoas neste sábado (17/8)

Coordenado pela Sejusc, o projeto “PAC em Movimento” visa facilitar o acesso da população aos serviços das Unidades de Pronto Atendimento ao Cidadão 

Com emissão de documentos básicos, como primeira e segunda via de carteiras de identidade e certidões de nascimento, o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), com o projeto “PAC em Movimento”, atendeu 276 pessoas em bairros da capital.

Ao todo, duas ações foram realizadas na manhã deste sábado (17/8), nos bairros Alvorada e Santo Antônio, nas zonas centro-oeste e oeste de Manaus, respectivamente. A primeira ação aconteceu na Igreja Batista Boas Novas, onde foram atendidas 110 pessoas, 21 para primeira via de RG, 72 para segunda via e 14 para segunda via de certidões de nascimento.

A segunda ação aconteceu em parceria com o Sindicato da Industria da Construção do Amazonas (Sinduscon) e o Serviço Social da Indústria da Construção Civil de Manaus (Seconci), em alusão ao Dia Mundial da Construção Social. Foram atendidas 166 pessoas no local.

O industriário Odiney Braga levou os dois filhos até a ação para solicitar a primeira via da carteira de identidade. Segundo ele, a oferta do serviço no sábado facilita o acesso da família ao serviço.

“Documentos como esses são importantes, ainda mais para as crianças, que de uma hora ou outra precisam ser cadastradas em algum serviço. Como eu moro longe, separei esse dia para resolver a documentação de todos da minha casa”, conta.

Segundo a titular da Sejusc, Caroline Braz, as ações têm a proposta de atender o público que tem dificuldades de acessar os serviços durante a semana ou mora em zonas afastadas. A secretária ressalta que as atividades são divididas na capital e interior.

“Temos seguido a orientação do governador Wilson Lima de chegar o mais próximo possível dos cidadãos. Temos um planejamento estratégico para atender a população com qualidade e eficiência, tanto na capital quanto no interior”, destaca Caroline Braz.

Interior – Além da capital, o projeto também passa por municípios do interior do Amazonas. Desde o início do mês, 14 comunidades indígenas de São Gabriel da Cachoeira (a 852 quilômetros de Manaus) já receberam os serviços do “PAC em Movimento”.

Desde o dia 9 de agosto, mais de 1 mil indígenas foram atendidos nas comunidades Iauaretê e Pari Cachoeira.

http://www.amazonas.am.gov.br/feed/

COMPARTILHAR