Projeto busca recursos para devolver onças para à natureza

104
Projeto busca recursos para devolver onças para à natureza

Uma onça precisa de um território de 100 km² para viver, no entanto, costumam ser confinadas em espaços muito menores. Por isso, muitas delas apresentam um comportamento de profundo estresse, o que é extremamente prejudicial à saúde de qualquer animal. 

Para ajudar a mudar esta realidade, as organizações AMPARA Animal, Instituto 100% Animais e ONG Mata Ciliar se uniram para lançar uma campanha de financiamento coletivo para a construção de seis recintos para as onças que vivem em cativeiros mantidos pela Associação Mata Ciliar, em Jundiaí (SP).

Estes recintos terão elementos que visem proporcionar proteção e qualidade de vida aos animais como um lago para nadar, árvores, vegetação natural, dentre outros. A ação intitulada “Toca da Onça” tem como madrinha a atriz e ativista Cléo Pires, e o prazo final para as doações se encerra no dia 5 de agosto. 

A presidente da ONG AMPARA Animal, Juliana Camargo, explica a importância da iniciativa: 

“Conhecendo de perto as necessidades dos animais silvestres entendemos que precisaríamos começar uma atuação com esses animais que são os verdadeiramente negligenciados. Cães e gatos são animais próximos, são de companhia e as pessoas tem afinidade, mas quando se fala de animais silvestres as coisas mudam. A gente passa a falar de extinção e não de super população, passamos a falar do problema que é as pessoas querendo os animais silvestres como pet, lembrando que o tráfico de animais é o terceiro maior do mundo, depois de drogas e armas. E isso no Brasil está a todo vapor, então sentimos essa necessidade”. 

Juliana Camargo também fala sobre a importância das parcerias firmadas para o progresso da ação: 

“Eu acredito que todas a soma é positiva. Pegar o que cada um tem de melhor, dar as mãos para o mesmo objetivo, encontrar pessoas que queiram as mesmas coisas, sem dúvida alguma ajuda a potencializar qualquer ação. A AMPARA acredita muito nisso, na união de forças, sendo uma das únicas instituições que capta (recursos) para ajudar outras. A nossa forma de atuar se baseia nisso, em parcerias, apoiadores e em encontrar tanto empresas quanto pessoas que queiram dar as mãos para ajudar a causa animal”. 

Para colaborar com a causa e conhecer um pouco mais da ação, acesse www.amparanimal.org.br

Escrito por João Mota, com supervisão de Vacy Alvaro.

CONTEÚDOS

Compartilhar