Três pessoas são detidas durante Operação Integrada nas zonas oeste e sul de Manaus

68

FOTO ROBERTO CARLOS / SECOM
FOTO ROBERTO CARLOS / SECOM

Bairros das zonas oeste e sul de Manaus receberam policiamento reforçado com a Operação Integrada de Segurança, realizada entre a noite de sábado (09/12) e madrugada de domingo (10/12). Bares e postos de combustíveis foram vistoriados. Três pessoas foram detidas e levadas para delegacia, sendo que duas assinaram Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por porte de drogas e receptação de veículo com restrição de furto.

 Centro, Cachoeirinha, Educandos, Betânia e Petrópolis foram alguns dos bairros incluídos no roteiro de blitz policial. Trinta bares foram vistoriados, sendo que cinco deles foram fechados por irregularidades na documentação. A operação noturna na zona sul ocorre na mesma semana em que a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) prendeu, na região, 23 pessoas por envolvimento com o tráfico e pela prática de crimes como homicídio.

 ”Temos uma sequência de abordagens que visa coibir o tráfico de entorpecentes. É muito comum abordar pessoas que portam quantidades de entorpecentes nesses locais. Na medida em que você atua de forma permanente, inibe o uso demasiado de bebida alcoólica e com isso ajuda a reduzir diversos crimes, como os homicídios”, enfatizou o vice-governador e secretário de Segurança, Bosco Saraiva, que acompanhou a operação ao lado da cúpula das forças de segurança do Estado.

 Na zona sul, no bairro Educandos, policiais encontraram dois jovens usando drogas e sob suspeita de tráfico na orla do Amarelinho. Em bares do bairro Betânia, em frente à feira, assim que o comboio policial chegou, um homem tentou fugir. Tratava-se de um ex-presidiário, que foi detido e disse que se assustou com a presença das forças policiais. Não houve comprovação de crime e ele foi liberado.

 ”Os lugares em que estamos trabalhando são locais onde, normalmente, acontecem problemas, senão nos bares nas imediações. A presença da polícia evita que algo de ruim aconteça aos frequentadores e gera paz a toda a comunidade”, explicou o delegado-geral da Polícia Civil, Mariolino Brito.

 A operação também contou com barreiras policiais e de trânsito, feitas pela Polícia Militar e o Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Nas fiscalizações, diversos veículos foram apreendidos por falta de documentos. Durante as abordagens da Polícia Civil na zona oeste, o soldado do Exército, Ricardo Constantino, 23, foi autuado por receptação culposa. Ele estava na posse de um carro modelo Gol com restrição de furto. O militar assinou um TCO e vai responder em liberdade.

 ”Também estamos fazendo diversas barreiras policiais, em toda a Manaus, para ver se encontramos ilícitos e conseguimos ampliar a sensação de segurança para a população, porque é isso que as pessoas estão querendo”, destacou o subcomandante-geral da PMAM, coronel Álvaro Cavalcante.

Retirado de

Powered by WPeMatico

Compartilhar